(15) 3527-1749 - fax: (15) 3527-1749

Qualidade do café controlada pelo APPCC.

Para o produto obtido pela via seca, as etapas de secagem, armazenamento e transporte foram consideradas como ponto críticos de controle, enquanto a torração foi relacionada com a perda de qualidade do produto final.

R$ 34,00
Detalhes da Edição

Rev Hig Alimentar, v. 16, n.96, Maio de 2002.

EDITORIAL     
3 AÇÕES DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA DE ALIMENTOS.

8  CARTAS     

10 AGENDA     

ARTIGOS     
16 Transição Nutricional.
23 Formulação de um doce à base de extrato hidrossolúvel de soja: avaliação de preferência, aceitabilidade e características físico-quimicas.
29 Boas Práticas agrícolas e aplicação do sistema APPCC no cultivo e processamento industrial do café obtido pela via seca.
43 Determinação do índice de fluoreto, em águas de abastecimento público na cidade de Juiz de Fora, MG.
51 Alterações nodulares em peças de carne distribuídas ao consumo. Significado em saúde pública.

PESQUISAS
55 Análise microbiológica do requeijão marajoara elaborado no Norte do Brasil.
60 Avaliação da qualidade microbiológica de pescado comercializado em Maceió, AL.
65 Qualidade microbológica do leite tipo "A" pasteurizado, comercializado na cidade de Descalvado, SP.
69 Qualidade microbiológica de queijos tipo "Minas Frescal", vendidos em feiras livres na Região de São José do Rio Preto, SP.
77 Salmonella em corte de carne bovina inteiro e moído.
82 Avaliação da contaminação microbiana durante o abate Kasher de bovinos.
88 Estudo microbiológico comparativo de leites pasteurizados em estabelecimentos com inspeção federal e em fazendas.
94 Avaliação microbiológica e controle da produção de carne resfriada homogeneizada de bovino, preparada em nível varegista no Estado do Rio de Janeiro.

    
100 ATUALIZAÇÃO BIBLIOGRÁFICA     

103 NOTÍCIAS